Wednesday, August 17, 2005

Sick Life














Quando Foi Formada a banda?
R. A Sick Life teve origem há aproximadamente dois anos e meio atrás, mas exatamente em Fevereiro de 2003, quando Júnior (vocal), André Ramone (guitarra), Bob Léo (bateria) e Chico Bento (baixo) resolveram se unir para trabalhar em músicas cuja proposta era apresentar o peso e a consistência dos riffs característicos do Heavy Metal, e a velocidade do Hardcore.

2º Qua é a Formação Atual?
R. Depois de algumas alterações ao logo do primeiro ano de atividades da banda, eis que a formação se estabiliza com Júnior (vocal), André Ramone (guitarra, Pedro Tiziu (guitarra), Bob Léo (bateria) e Renato Intrusus (baixo). Essa formação está junta há praticamente um ano, e gravou o último CD Demo da banda, intitulado “Blessed by Hate”.

3º Porque Sick Life?
R. Acreditamos que o nome de um grupo, na maioria das vezes, guarda uma relação estreita com a proposta musical do mesmo. Com a Sick Life não é diferente. Tentamos criar músicas pesadas, cujas melodias se reflitam em climas agressivos e às vezes sombrios. As nossas letras tratam basicamente dos mesmos temas que bandas como Metallica e Sepultura traziam nas músicas da maioria dos seus álbuns - letras que refletem raiva e violência em situações como assassinatos e guerras. Todo ambiente bruto nos levou à escolha do nome Sick Life, que significa algo como “Vida Doentia”.

4º Onde Já Tocaram e qual Foi a Repercução?
R. Desde o início, fizemos shows sempre dentro do nosso próprio estado, seja na capital, seja em municípios do interior. É preciso lembrar que os problemas que a banda veio enfrentando, com relação à entrada e saída de integrantes, têm afetado um pouco a agenda da mesma. Em 2004 os shows ocorreram através da mini-turnê “Life on the road”, e o trabalho da banda foi bem aceito pelo público de cidades como Salvador, Alagoinhas e Feira de Santana, dentre outras cidades interioranas.

5º Quais os Projetos Novos?
R. Acabamos de registrar um Promo-CD, gravado em Julho e chamado “Blessed by Hate” (Abençoado pelo Ódio), que conta com cinco novas composições. No momento, estamos trabalhando ativamente no processo de divulgação deste material, e, paralelamente, tentando agendar algumas datas para a “Wicked Reunion 2005”, que será o nosso novo giro para apresentar este novo trabalho. Esperamos, desta vez, ampliar o número de lugares por onde estaremos passando e, se possível, levar o som da Sick Life para fora do estado da Bahia. Queremos aproveitar o espaço para avisar, para aqueles que estiverem interessados em conhecer este mais recente CD, que basta acessar um dos sites abaixo e fazer download das mp3’s do disco. É de graça, então, aproveitem, baixem todas! J
http://www.sicklife.democlub.com/
http://bandasdegaragem.uol.com.br/sicklife
http://www.sicklife.palcomp3.cifraclub.terra.com.br/

6º Quer Participar da coletânea bandas do Brasil1 com Qual Música?R. A nossa música de trabalho atualmente se chama “Wicked Machine”, e é a faixa de abertura do nosso novo CD-Demo. Então, estamos utilizando-a com freqüência para coletâneas e coisas do tipo.

7º Nos conte uma aventura da banda ?R. No início de tudo, quando ainda não tínhamos um lugar fixo para ensaiar, fomos obrigados a alugar uma casa abandonada que mais parecia um cemitério. Diziam que o proprietário teria morrido a facadas no interior da casa, e sempre encontrávamos objetos pessoais deste cara espalhados pelo local. Ficamos pouco tempo por lá, mas foi legal... O clima era bem propício, pois tínhamos pouca luz, uma umidade daquelas que você só encontra em lugares velhos, e muito silêncio. Isso até nós começarmos a tocar, é claro J

8º Gostaria de Tocar em Catanduva tem como vir?
R. Como afirmamos anteriormente, estamos partindo para a divulgação do nosso novo registro e, desta vez, gostaríamos muito de ampliar o nosso giro, incluindo cidades localizadas fora do nosso estado. Para a Sick Life seria muito interessante ter a experiência de tocar em Catanduva, pois, queira ou não, trata-se de uma cidade localizada em um dos estados no qual está concentrada boa parte do público que aprecia música pesada. Realmente, seria uma honra, e, com certeza, arranjaríamos uma maneira para ir até lá.

9º Como é o Circuito de eventos em Alagoinhas?
R. Apesar das inúmeras dificuldades encontradas na organização de eventos em uma cidade cuja capital é conhecida por ser a “Terra do Axé”, o número de shows envolvendo as bandas locais vêm crescendo consideravelmente, assim como o número de novos grupos das mais variadas vertentes do Rock. Dentre as iniciativas mais fortes neste âmbito do circuito underground, destacam-se o Projeto Alto Falante e o Sexta In Rock, que proporcionam mais oportunidades e espaço para que as bandas mostrem seus trabalhos. A prefeitura local também faz a sua parte, realizando anualmente o “Palco Alternativo da Micareta”, criando uma opção para aqueles que não gostam dos estilos musicais que permeiam a grande massa. Há também a “Semana da Infância e da Juventude”, evento organizado anualmente pela Secretaria de Esporte, Cultura e Lazer no mês de Agosto.

10º Considerações Finais e Contato .
R. E primeiro lugar, gostaríamos de agradecer a todos aqueles que, de alguma forma, vêm nos apoiando ao longo destes dois anos e meio. Agradecemos, também, a todas as pessoas que receberam de forma positiva as nossas mensagens de divulgação via e-mail, acessando os sites relacionados à Sick Life e deixando mensagens para nós. Para finalizar, reafirmamos que queremos muito promover o nosso trabalho de forma a ampliar o alcance da divulgação, para que possamos ter mais oportunidades de tocar em lugares diferentes. Para entrar em contato, basta enviar e-mails para sick-life@hotmail.com
ou deixar uma mensagem no
nosso mural em
http://bandasdegaragem.uol.com.br/sicklife.

Esperamos um ia podermos
vê-los em algum show! See ya!

Featured Post

Troca de Acordes G - C

#Recupere o #tempo #perdido : Venha estudar a troca do #Acorde de G para o C  ou treinar sua melodia no #tom de G/Em