Friday, October 07, 2016

THE ASSAULT : Thrash/Heavy Araraquara-SP


A ideia da banda é praticamente um sonho que se concretizou
 em ter uma formação clássica de trio assim como manda as cartilhas 
do heavy metal tradicional e juntar ao mesmo tempo as batidas
 mais agressivas provenientes das nossas escolas musicais
 vindas do thrash metal.
Fundada por Artur, Vitor e Iuri, The Assault surgiu com a proposta
 de levar rock de peso e ao mesmo tempo clássico de forma
 independente a um público fiel ao Rock'n'Rol

SZ: Qual é a formação atual ?
r: Artur Rinaldi - Guitarra/lead vocal;
   Vítor Rinaldi - Bateria/backing vocal;
   Iuri Rabatini - Contra-baixo/backing vocal;

SZ: Quem já tocou na banda e porque saiu ?
r : Os três membros citados anteriormentes são os fundadores da banda e a banda nunca teve mudanças.

SZ: Quais as influencias de cada integrante ?
r: Artur Rinaldi - Rush, Rick Wakeman, Pantera;
   Vítor Rinaldi - Rush, The Who, Yes, Anthrax;
   Iuri Rabatini - Saxon, Nuclear Assault, Fates Warning, Rush;

SZ: Qual a maior influencia da banda apenas uma?
r: Rush

SZ: Defina o que é uma banda ?
r: Reunião de grandes amigos com a vontade de fazer música.

SZ: Como se sustenta a banda no mercado nacional?
R: Com muito suor e determinação. 

SZ: Comente a cena independente do Brasil?
r: A cena é muito vasta e independente no geral, mas na nossa opinião falta um pouco de criatividade dentro do metal.

SZ: Como será o mercado musical daqui a 10 anos?
r : O mercado musical, na área do metal em geral, provavelmente vai retrair muito, mas vemos isso de uma maneira bastante positiva: as bandas com o som e propostas "quadradas" e presas ao passado vão diminuir e as bandas com temáticas mais criativas vão ter maior destaque, adicionando muito mais riqueza ao cenário do metal.

SZ: O que é preciso para ter sucesso?
r: Uma banda onde a amizade prevaleça acima de qualquer coisa.

SZ: Quais os projetos para 2017?
r: Novas composições e muito mais shows.

SZ: O Rock ainda é uma filosofia de vida ou está manipulado pela mídia? Como você vê o Rock nacional?
r: O Rock está muito manipulado, assim como está todo o cenário músical mundial, mas mesmo assim ainda há o "underground"- o lugar onde o Rock contínua a existir como filosofia de vida.

SZ: Qual o futuro do Rock?
r: Cada vez se tornar mais mainstream.

SZ: Onde tocaram e qual foi a reação do publico?
r: Já tocamos em alguns lugares no interior do estado de São Paulo. A reação do público varia muito de lugar para lugar.

SZ: Porque "The Assault"?
r: É uma referência a banda de thrash metal "Nuclear Assault".

SZ: Deixe alguma mensagem para quem esta formando ou pensando em formar uma banda de rock?
r: Sigam em frente com a mente sempre aberta. Procurem sempre fazer uma música que esteja acima de qualquer rótulo e evitem comparações.

SZ: Considerações finais .
r: Nós da banda The Assault agradecemos muito o espaço cedido pela Speed Zine.




Featured Post

Cáscara Sagrada Activity Statistics

Banda Cáscara Sagrada ...